Round and Round in Circles Over Life...

17
Out 06

"(...) Porque a melhor relação que temos...é com nós próprios!"

Chorei baba e ranho de todo o tamanho ontém a ver o último episódio do sexo e a cidade...

O reencontro em Paris...

Finalmente o Big acordou para a vida e deixou-se de merdas, inseguranças e inconações e assumiu que apesar de tantos anos...she's the one!

Paris é realmente a cidade dos amantes...

E eu fui tão feliz...sozinha em Paris!

O mais importante é mesmo a lição que fica no final...

No matter what...a relação mais importante que temos nesta vidinha é comnosco, com o nosso eu! E não há nada, nem ninguém, nem homem nenhum que resolva a má relação que temos com nós próprios...

Então será que encontrar o amor, encontrar a tal fase tranquila e in love da nossa vida, acontece apenas quando nos sabemos amar primeiro e verdadeiramente???

Confesso que o passado e os amores impossiveis, nunca abonaram muito a meu favor ou em prole da minha auto-estima e da minha confiança !

Houve tempos em que acreditei ser mais forte...mas na verdade o que fiz, não foi mais do que criar uma muralha à minha volta, uma espécie de sociedade secreta, onde só entra quem eu quero....

Especialmente depois do final do ano passado...tornou-se ainda mais dificil deixar a porta do coração aberta para deixar entrar coisas boas...

É um erro segundo dizem...eu sei!

Mas nunca acreditei em contos de fadas...

Ontém...gostei da ultima frase, gostei do pensamento que ficou no ar, gostei da lição final! 

Amar-nos primeiro...para depois poder amar os outros?? Para podermos ser amados, para podermos ser olhados com olhos de amor??? Seremos mais sensuais e apelativos aos olhos dos outros se estivermos in love por nós mesmos??

Como o famoso anúncio...

Porque se eu não gostar de mim...quem gostará?!!!

É um facto! Acho que me estou a apaixonar....

Por mim....

publicado por Paty a.k.a Wildflower às 14:03
sinto-me: In Love with Me

Ai o Amor....essa coisa complicada que nunca ninguém entende e nunca entenderá.
Concordo que temos de nos amar primeiro para podermos ser amadas, mas aí é que está o problema, porque não é fácil gostarmos de nós próprias. Temos tendência a ver sempre os defeitos. Se fulano não se interessa é porque sou gorda, sou feia, sou assim ou sou assado. Ou então somos tão orgulhosas e egocênctricas que pensamos que o mundo gira à nossa volta e se os outros não gostam é porque são uns parvos, o resto do mundo está errado e nós estamos certas.
É por isso que acho que tudo tem fases. Há dias em que gostamos de nós e nos mimamos, há outros em que até temos vontade de partir o espelho para não termos de ver a nossa cara. E acho que quem tiver de gostar de nós um dia, vai gostar mesmo que estejamos numa fase de negação ou desaprovação do ego. Afinal quem estiver ao nosso lado não vos vai ver sempre bem dispostas e de bem com a vida, vamos ter os nossos dias maus, por isso é bem que se preparem logo, ehehe. É por isso que me dizem que com o meu mau feitio nunca vou arranjar alguém que goste de mim :( Logo agora que decidiram aumentar o IRS para os solteiros! Tadinha da Angelzita, buáá
Agora a sério, acho que se não nos fecharmos ao amor ele um dia aparecerá. É que eu ainda acredito nos contos de fadas.... :)
Beijoca

Angel a 17 de Outubro de 2006 às 16:50

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Outubro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
12
13
14

15
16
19

22
25
27
28

29
30
31


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO