Round and Round in Circles Over Life...

26
Mai 07

Tudo passa...

Os dias passam a correr e não há sequer tempo de olhar para trás. Passados 15 dias sobre o ultimo episodio, refeita das emoções atribuladas, da depressão geral que se instalou aqui em casa, seguir em frente é a única solução!

O trabalho tem ajudado e fico feliz com o grupo de pessoas com quem estou, todos sem excepção são excelentes pessoas, muito divertidos, muito brincalhões, preocupados se estou a melhorar das feridas, são uns queridos!

Pensei sinceramente que o ambiente fosse mais frio e distante, as pessoas enturmaram-se bem e apesar de existirem mais afinidades com uns do que com outros, gera-se um ambiente muito engraçado e divertido... 

Não tenho tido muita vontade de escrever...

Para além do assunto de call center, de algumas situações caricatas com clientes ou situações nos transportes públicos, pouco há de novo a contar...

Estou numa fase mais calma e menos irritavel apesar de tudo, já entrei bem no tipo de tarefas e sem problemas desenrrasco-me bem,  braço já tem a mobilidade natural apesar de ainda sentir dores e sensibilidade ao tocar etc.

Ando mais distante da net, muito cansada, e começa a tornar-se um habito adormecer no sofá ao inicio da noite....

Meu deus estou a ficar tão cota!!!!

Vá lá ao menos ainda não me deu para a senilidade, mas para lá caminho, a calcular pelos clientes que atendo todos os dias...qualquer dia tou xéxé da cuca!

Mas têm sido dias muito interessantes...

Por vezes é preciso encontrarmos pessoas tão diferentes, para compreendermos muitas coisas na nossa vida! Sinto-me muito confortavel naquele grupo e sem o minimo de receios ou inseguranças...

Há de tudo naquele serviço, os supervisores são porreiros e ajudam-nos imenso, já trocámos emails, telefones, paginas pessoais etc e temos um jantarecos combinado!

A unica coisa menos positiva é mesmo a constante troca de serviço, informações que alteram constantemente e a nossa adaptação a isso, e também um ou outro supervisor com mais manias e caganças...

Ontem pela segunda vez ia me pegando com um xico pombo, que até podia ser giro e ter a sua graça não fosse tanto pretenciosismo...

Por amor à santa!

Dose muito grande de paciência para engolir aquele sapo!!!! Xiça e depois é sempre comigo...

Até já ia havendo bronca à conta do rapazinho e da sua mania de distorcer aquilo que eu digo. Tive de contar muitas vezes até 10 para não lhe dizer poucas e boas...

Onde é que já se viu chamar-me a atenção por eu dizer ao cliente que devido a não ser a pessoa mais indicada para esclarecer aquele assunto o ia passar com um colega mais adequado???!!! Ao que parece da mau aspecto dizer isso ao cliente...e tive que ouvir discurso como se fosse miuda de 4 anos porque o cromo achava que perontus!!!!

Benzo deus!!!! IRRA!!!! Se ainda fosse uma pessoa mais velha que educada e construtivamente me fizesse uma critica tudo bem...

Mas tendo em conta que faço bem o serviço e que não fui deselegante naquilo que disse, faça me um favor!!! E argumentar com ele para lhe fazer ver que não estava errada??? As tantas disse lhe...perontus okay tudo bem já percebi como é!!!

Oh well o que vale é que entre nós já nos rimos destas situações e até serve de motivo de risota, era o que mais me faltava chatear-me por aquilo e por aquela pessoa...foi chão que já du uvas, agora "viro-me pró outro lado e continuo a dormir"!!!

 

Pelo amor à santa!!!!  Bom fim de semana a todos...

publicado por Paty a.k.a Wildflower às 16:12
sinto-me: Ta-se Bem!

1 comentário:
Ainda bem que as coisas estão a correr bem. Não há nada como uma pequena mudança nas nossas vidas para nos dar ânimo. É como uma lufada de ar freco, ainda que não seja aquele ar que gostávamos. s
Sabes, revejo-me naquilo que contas. No início, há 9 meses atrás quando comecei a trabalhar no call center, também estava assim como tu, contente pelo grupo fixe que tinha, pelo facto dos supervisores até serem porreiros, mas passado este tempo todo o cansaço toma conta de nós e tudo passa a ser horrível, as pessoas tornam-se embirrentas e apercebemo-nos da inexistência de critérios para tudo. Até os supervisores se tornam a "real pain in the neck" A ti o supervisor chamou-te a atenção por causa disso, eu por exemplo levei uma penalização das auditorias por ter dito dois euros e meio e não dois euros e cinquenta cêntimos. uma colega minha levou não conformidade porque não conseguiu encontrar a morada que o vendedor procurava, quando a culpa é do sistema informático que não funciona bem. E muitas muitas mais, que no início até têm a sua graça, mas que passado um tempo enfurecem-nos.
Espero que contigo as coisas corram melhor e que continues a gostar disso. Eu cá já tenho a certeza que não fui feita para trabalhar em call centers, a maior epidemia de trafulhas de que reza a história
Beijoca
Angel a 29 de Maio de 2007 às 11:52

Maio 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25

28
29
30
31


mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO