Round and Round in Circles Over Life...

30
Out 05
venus.jpg

Ser, viver, estar, expressar, mostrar aos outros quem sou, como sou e aquilo em que acredito...dito desta forma, mais parece uma daquelas frases feitas dos livros de filosofia do ensino secundário, que tudo o que esperam é pôr meia duzia de cerebrozitos imberbes a pensar naquilo que fazem cá neste mundo.
Tenho o péssimo hábito (pelo menos assim pensam algumas pessoas!!!) de pensar demasiado nas coisas e na vida, e basta uma atitude ou uma conversa para que eu começe a meditar em tudo aquilo que me rodeia...
Ainda em consequência da peça de teatro de que vos falei no post anterior, e após alguns sucedidos com o "Brad Pitt" da minha vida, dei por mim a pensar em como às vezes gostaria de não ser mulher!
"Mulher sofre!"- diz o velho ditado, pois e com muita razão, é verdade! Desde sempre a mulher foi considerada como um ser menor, o sexo fraco, a figura submissa, casta, pura, escrava do seu amado, a quem se dedicava de corpo e alma, aquela que não tem o direito de pensar, de omitir opinião e muito menos de se sobrepor ao homem.
Pois é! Mas os tempos mudaram, e as mulheres são muito mais do que aquilo que aparentam ser...hoje em dia ser mulher é estar constantemente em "cheque", é estarmos a ser sempre observada, avaliadas, é termos que engolir o rótulo de dramáticas, inseguras, complicadas, quando tudo o que fazemos é amar incondicionalmente, somos postas à prova quando temos que ter uma carreira brilhante e produzir, produzir, produzir, é gerir a nossa vida, a dos filhos, dar atenção ao marido trombudo e insatisfeito porque o tempo não chega para tudo, é esquecermos de nós, daquilo que gostamos, dos projectos à muito enfiados na gaveta, e adiar por mais um dia e outro e outro a esperança de conquistar os nossos pequenos sonhos.
Mas no meio de tudo isto, no meio de tantos obstaculos, de tantas exigencias da sociedade, aquilo que mais pesa (eu falo por mim...) é a imcompreensão e a frustração de se entregar a alguém, de acreditar num amor e simplesmente perceber que por mais que se lute, por mais batalhas que se travem, por mais que o amor supere os silêncios e as distâncias, não há maior mágoa do que sentir que o amor fica pelo caminho, que a pessoa não enxerga um palmo à frente do nariz...e que bastaria tão pouco para o homem, tivesse tudo aquilo que anseia.
Há uma expressão engraçada que diz tudo: "São precisas duas pessoas para dançar o Tango...", e nada melhor do que um Tango para observarmos a sedução, cumplicidade, entrosamento e amor entre duas pessoas.
publicado por Paty a.k.a Wildflower às 20:13

23
Out 05
images[3].jpg

Já tinha perdido a conta aos anos em que não ia ao teatro...Ía, digo bem!
Ontem tive a oportunidade de ver uma das muitas peças que estão em cena em Lisboa. Uma peça simplesmente genial, um monólogo de uma mulher, sobre a sua condição feminina e a descoberta de uma gravidez acidental e por isso mesmo não desejada.
Qualquer mulher se consegue rever naquela peça, mesmo nunca tendo estado grávida, mesmo não sendo mãe, o discurso da actriz revela muitas coisas sobre a mulher, sobre o qué é ser mulher, as duvidas, os dramas, os sentimentos...por isso mesmo durante a hora e pico que decorre este monólogo e facil encontrarmos pontos de referência, pedaços com os quais nos identificamos e até situações que já vivemos.
Esta simplesmente genial, divertida, realista, e muito bem concebida...sem duvida a não perder.
publicado por Paty a.k.a Wildflower às 13:31

22
Out 05
fotolent.jpg

Não sei se já havia dito isto antes, mas uma das minhas grandes paixões é a fotografia. Adoro estar sozinha com a minha máquina, e as duas em sintonia captando tudo aquilo que me rodeia, tudo aquilo que é simples, que me faz viajar, tudo o que me provoca divagações...Os olhares, as expressões, as cores, formas, enfim tudo o que às vezes nos passa tão desprecebido, e que simultaneamente aguça e desperta o olhar.
Por esta razão decidi que este hobby poderia e deveria ser levado mais a sério, e inscrevi-me num segundo curso de fotografia. É mais um dos meus projectos, é mais uma forma de me abstrair, de me preencher, de ganhar algo enquanto pessoa e aprefeiçoar algo que nasceu comigo. Ontem foi dia de aula, e após "o toque de saida" do emprego lá fui eu a correr para o Chiado.
Aquela é uma zona que eu gosto particularmente, a parte de alguns contras, adoro passear na baixa e arredores e sentir me parte daquele mundo tão diverso e até fascinante. Entre turistas, e pessoas de todas as cores, estratos sociais e correntes ideologicas...é ali que consigo libertar as ideias e pensar, observar e apreciar as coisas simples que as vezes me passam tão despercebidas.
Foi aí que tive oportunidade de observar um grupo de jovens, um grupo pequeno e engraçado, de gente interessante e bonita, gente da minha idade, com uma particularidade...a linguagem era diferente. Mesmo no lusco fusco, percebi que neste grupo todos falavam por gestos, mas todos tinham um brilho no olhar e um sorriso fantastico. Uma rapariga contava algo, que evidentemente eu não percebi, o seu sorriso era fora de série, era divertida, expressando se de forma solta e despreocupada...no momento que me cruzei com eles, ela acabou a sua historia, e todos em simultaneo começaram a rir e a "galhofar" uns com os outros...
Á medida que os deixava para trás, sorri também e pensei para mim mesma como é facil comunicar, como é facil sentir, como é facil deixarmo-nos levar e sentirmo nos mais leves, mais soltos...
Tudo seria mais fácil se tivessemos essa capacidade, muitos dos mal entendidos seriam desfeitos, muitos amigos se manteriam, muitos amores resistiriam...

Basta comunicar, expressar, sentir....e sonhar!
publicado por Paty a.k.a Wildflower às 18:34

12
Out 05

CAQ6EBA9.jpg


Não importa onde voçê parou...

Em que momento da vida voçê cansou...

O que importa é que sempre é possível e necessário recomeçar.

Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo...

É renovar as esperanças na vida e, o mais importante...

Acreditar em voçê de novo.

Sofreu muito nesse período?

Foi aprendizado...

Chorou muito?

 Foi limpeza da alma...

Ficou com raiva das pessoas?

Foi para perdoá-las um dia...

Sentiu-se só por diversas vezes?

É porque fechaste a porta até para os anjos...

Acreditou em tudo que estava perdido?

Era o inicio de tua melhora...

Onde voçê que chegar?

Ir alto? Sonhe alto...

Queira o melhor do melhor...

Se pensarmos pequeno

Coisas pequenas teremos...

Mas se desejarmos fortemente o melhor e

Principalmente lutarmos pelo melhor...

O melhor vai-se instalar na nossa vida

Porque sou do tamanho daquilo que vejo

 E não sou do tamanho da minha altura.

(CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE)

publicado por Paty a.k.a Wildflower às 23:25

10
Out 05
images[39].jpg

Tenho andado "a arrumar ideias"...
A vida é sempre pautada de momentos estranhos que nos fazem pensar, que muitas vezes nos deitam abaixo e nos fazem perder a visão bonita das coisas simples...tenho andado quase muda, sem saber o que dizer, por isso não tenho escrito muito. Sinto que é chegado o momento de renascer...não sei se me entendem, mas neste momento sinto que estou a fazer um flashblack e a rever cada momento, onde errei, onde posso melhorar, qual o caminho para mudar...sinto que é importante para mim mudar, de vida, de emprego (especialmente de emprego lololo), de rotina, de circulo de pessoas, de look, de atitude, preciso mudar...simplesmente mudar e mostrar ao mundo a pessoa especial que sou! Todos nós somos especiais, todos temos qualidades e defeitos que nos tornam seres humanos fantasticos, mas nem todos temos a capacidade de mostrar isso ao mundo...por isso às vezes se torna tão dificil fazer ver aos outros o quanto amamos, o quanto erramos sem pensar, o quanto nos arrependemos...e tantas outras coisas!
O importante então?...é continuarmos a viver intensamente, é acreditar, ter fé, lutar e continuar a lutar para que consigamos levar o barco a bom porto e não perder as oportunidades que nos aparecem pelo caminho...acima de tudo mantermo-nos fieis a nós mesmos e não mudarmos por ninguém!
publicado por Paty a.k.a Wildflower às 22:37

Outubro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
13
14
15

16
17
18
19
20
21

24
25
26
27
28
29

31


subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO